Pelo título do post, logo a gente pensa no já conhecido comprimento mullet, certo?  Mas a proposta agora é bem mais criativa. A referência geométrica no corte das saias e vestidos já estava presente há algumas estações, mas ganha força no inverno, quando as combinações permanecem na zona das cores frias, bem urbano. Pode esquecer os tecidos fluídos, as peças vêm agora em materiais mais encorpados, como o couro. Menção honrosa também pra alfaiataria: ela deixa a cena do escritório e chega às ruas em modelagens atuais e jovens.

A saia assimétrica fica impecável com camisas mais finas e bolsa pequena, uma mistura certeira de clássico + modernidade. Ah, pode dar nozinho na ponta da camisa, é fofo. Pra deixar mais casual, suéter larguinho ou camisetas divertidas com bolsa maior caem bem. Nas fotos, as meninas optaram por estampa de animal, mas eu também usaria com uma bem velhinha de banda ou frase divertida. Nos pés, unanimidade: as botinhas são tiro certo. Podem ser abertas nos dedos ou completamente fechadas com ou sem salto (olha aí as studded boots em outra combinação!).

Eu me apaixonei e já estou procurando uma saia assim pra chamar de minha. E vocês? Usariam?

Post Anterior

Como usar: Top Cropped

Próximo post

O dilema dos pincéis