Com certeza você já provou a culinária japonesa – é deliciosa mas é ainda mais incrível no seu país de origem: Japão! Passagens compradas, hotéis reservados, roteiro pronto… e agora veio a dúvida: o que comer no Japão? Preparei uma lista super completa de muitos itens típicos do país para que você possa aproveitar o melhor da gastronomia japonesa!

Voltamos do Japão com um gostinho de quero mais: muita coisa linda para ver e muuuuitas delicias para provar! É de enlouquecer qualquer um. Confira abaixo o melhor da culinária japonesa e o que comer no Japão! Anote tudo e não deixe nenhum item da culinária japonesa para trás! Todos são imperdíveis, nem que seja para provar uma vez na vida.

Nesse post eu não vou indicar um local específico para comer algum prato pois os melhores lugares que provamos não tem nem letras ocidentais no nome. Então fica um pouco difícil indicar o nome de cada restaurante. Mas sabendo o que você quer provar não é difícil achar pela cidade – basta uma rápida busca no Google ou até mesmo ver essas opções no cardápio (muitas vezes com fotos). Eu sempre reservo restaurantes, planejo cada refeição em todas viagens, entretanto isso não funciona muito bem no Japão pois tudo é muito mais difícil – a comunicação, o endereço, etc. Nós achamos melhor escolher os locais das nossas refeições no Japão na hora que a fome batesse mesmo, até por que vamos provando tantas coisinhas diferentes pela rua e nos mercados de peixe que nunca se sabe a hora que a fome vai chegar hehehe. Ai que saudades do Japão!

O que comer no Japão – Culinária Japonesa

1) Sushi

É impossível não falar de sushi quando falamos em culinária japonesa. Muita gente que não gosta de sushi fica super preocupado com o que comer no Japão – mas não se preocupe! Tem muitas outras comidas que falarei abaixo que passam longe do peixe cru. Mas com certeza o sushi é o prato mais conhecido do país e pode ser facilmente encontrado em quase todo canto do mundo.

Mas o que muita gente não fala é da diferença entre o sushi brasileiro (e de outros lugares) e o sushi típico da culinária japonesa. Esqueça cream cheese, esquece alho poró.. hot? Nem pensar! O sushi no Japão é basicamente peixe, alga e arroz. O tipo mais popular é o famoso nigiri. Um arroz perfeitamente cozido em cima do peixe mais fresco e incrível que você já provou na sua vida. Outra diferença é a enorme variedade de peixes. Enquanto aqui podemos escolher praticamente entre atum, peixe branco ou salmão, lá existe uma gama enorme de tipos de peixes. Existem vários cortes de salmão (diferentes partes do peixe com diferentes sabores, texturas e preços) e vários cortes de atum (não deixe de provar o chu toro e o otoro, duas partes nobres do peixe que simplesmente nunca chegam no Brasil)… além de toooodos outros tipos de peixes. Ah… e é uma senhora fatia de peixe sobre o arroz, super generosa! Simplesmente incrível!

Prove um verdadeiro sushi no Japão – vai custar bem mais do que os sushis de esteirinhas mas vale muito a pena. Os sushis de esteirinhas (aqueles que vai passando e você vai pegando o que quiser) são bacanas e divertidos mas nem se compara com um verdadeiro sushi feito por um sushiman na sua frente. Inesquecível!

2) Sashimi Bowl (Kaisen Don)

Da mesma “família” do sushi, o sahimi bowl é uma tigela de arroz coberta com vários tipos de peixe, ovas, camarão, etc. É super popular no Japão e lembra muito o poke (só que sem molho e o peixe é em formato de sashimi). Perto dos mercados de peixes sempre tem vários restaurantes vendendo super fresco! Vou confessar que eu preferi muito mais o sushi, mas vale a experiência. É uma boa opção do que comer no Japão perto de mercados de peixe.

3) Mochi

Mochi é um caso de amor e ódio. Tem quem ame e tem que odeie – eu amo alguns e odeio outros. O mochi é um doce tradicional japonês. É um arroz glutinoso moído em pasta e depois moldado – pode ser puro (sem graça), com recheio de feijão (eu não gosto.. os japoneses amam doces com feijão) ou com recheios mais… moderno, digamos: custard (creme branco doce), morango, chocolate.. Esses são maravilhosos! Mochi recheado de morango feito na hora foi a minha sobremesa predileta do Japão. Prove, ame ou odeie! Eles são vendidos em toda esquina no Japão. Na época das cerejeiras tem mochi de sakura que é co sabor de cereja e enrolado em uma folha de cerejeira.

4) Panquecas fofinhas japonesas

Meu café da manhã predileto no Japão era essas panquecas super famosas. Elas são deliciosas, fofinhas, leves… não tem explicação. Elas foram nosso café da manhã pelo menos uma vez em cada cidade. Basta você digitar no Google “Japanese pancakes” quando você estiver no Japão que irá mostrar as mais próximas de você. Como está super na moda tem em vários locais – mas chegue cedo pois todos lotam muito!

5) Matcha

Seja o chá ou comidas com sabor de matcha, não tem como não falar da culinária japonesa e não mencionar o famoso chá verde. Servido nas incríveis casas de chá japonesas é um chá verde bem concentrado e forte. É preparado com um pó e batido com uma espécie de fouet específico para a função (a cerimônia de servir e beber chá é muito importante para a cultura japonesa). É uma boa lembrança para trazer para o Brasil – todo mundo adora, o preço é bacana e não pesa na mala!

6) Sorvete Cremia

Eu gostaria muito de ter lido essa dica antes de ir para o Japão. Só descobri o quão maravilhoso esse sorvete é nos últimos dias de viagem – senão eu teria comido um por dia! É apenas incrível! É um sorvete estilo “soft serve” (de máquina) e honestamente acho que é o melhor sorvete que eu já provei (e é difícil eu admitir que é melhor que o italiano, mas acho que é). enquanto a maioria dos sorvetes são feitos com apenas 8% de gordura de leite, o Cremia é feito com 12,5%! É hiper mega cremoso! O leite é de Hokkaido e é misturado com 25% de creme de leite. Mas o que mais o diferencia dos outros é a sua casquinha feita de langue de chats – um biscoito super fino! Só provando para entender. O meu sabor predileto foi o misto de creme com chocolate. Imperdível e só existe no Japão (tem em muitos lugares por lá, basta ficar de olho nos banners (e as miniaturas de sorvete) na frente dos locais que vendem. As duas comidas que eu sinto mais falta do Japão são com certeza… sushi e sorvete Cremia. O amor não cabe em mim. kkk

7) Cheesecake de Osaka

Essa é famosa no instagram! A cheesecake de Osaka (vendida em lojas chamadas Hikuro Ojisan) sempre aparece em vídeos nas redes sociais porque ela é super “balançante” – mega fofinha! Só vendo para crer, eu não sei nem explicar uma coisa dessas kkkk. É uma mistura de cheesecake com panqueca japonesa. Todas elas são estampadas com um carimbo que queima o logotipo da marca em cima da cheesecake na frente do cliente. O que ninguém tinha me falado é que precisamos comprar a torta inteira!! Sim, uma cheesecake inteirinha. Então tenha alguém para dividir ou esteja com bastante fome (ou guarde para depois). Apesar de ter que comprar ela inteira o preço é super amigo, em torno de 8 dólares convertendo os yens.

8) Hida beef ou Kobe Beef

Se você for para a área de Takayama prove o incrível Hida Beef. Agora se você for para Kobe, prove o Kobe Beef. E se você não for para nenhuma cidade (o que é uma pena pois Takayama foi o ponto alto da nossa viagem) você também pode provar nas cidades grandes (Tokyo, Kyoto). Para nós brasileiros que estamos acostumados com bastante carnes ótimas, não é tanta novidade. Mas é ótima principalmente para Sukiyaki (nosso próximo item da lista).

9) Sukiyaki e Shabu-shabu

A experiência de um jantar de Sukiyaki é muito legal – você prepara tudo na sua própria mesa, em uma vibe meio fondue kkk. É uma carne (Hida Beef) cozida no molho de soja (shoyu) com legumes super fresquinhos. O shabu shabu é cozido na água ao invés de ser cozido no shoyu. E o molho é… ovo cru! Você molha a carne já cozida no ovo cru e fica uma delícia. Não deixe de provar! É uma ótima opção do que comer no japão que não inclua peixe cru.

10) Teppanyaki

Provavelmente se você já foi no Benihana ou em algum restaurante em grandes resorts você já provou o Teppanyaki – é aquele estilo de comida que eles preparam na frente do cliente. Geralmente é arroz ou massa com algum molho, legumes, etc. A experiência de alguém cozinhar na sua mesa ou no balcão é bem interessante e a comida geralmente muito gostosa.

11) Yakitori

Uma boa opção do que comer no Japão em bares e locais mais informais. Eles adoram um Yakitori com sakê ou cerveja no fim do dia! É a legítima comida de bar japonesa. São espetinhos geralmente de frango (de todas as partes do frango, desde peito até miúdos, pele, etc), legumes ou porco. Custam bem baratinho cada um e são encontrados em praticamente todas feirinhas de comida, mercados de peixe ou izakayas (pubs japoneses). São bem gostoso e temperadinhos. Eu adorei!

12) Ramen e Udon (noodles)

Se você não come peixe cru, com certeza está pensando: O que comer no Japão? Mas mesmo que sushi seja a sua praia não deixe de provar a famosa ramen! Esse foi o prato predileto do meu marido – enquanto eu estava obcecada com sushis ele estava obcecado com ramens! Provavelmente você já provou um ramen aqui – um estilo de sopa com massa, super temperado e com um caldo bem saboroso e rico, geralmente feito por horas e horas! Uma delícia e super barato, uma boa opção para comer em conta no Japão.

13) Tonkatsu

Tonkatsu é basicamente um porco frito (pode ser frango também) de uma maneira perfeita. Sequinho, crocante, leve… acompanhado de um molho delicioso de gergelim. Se tem alguém no mundo que saiba fazer fritura é o japonês – é uma fritura totalmente diferente da americana. O jeito que eles empanam etc é bem diferente. O tonkatsu é um prato super típico japones e que com certeza agrada aqueles que tem um paladar mais infantil ou que não gostam de provar muitas coisas diferentes.

14) Gyoza

Gyoza é só amor. É um prato tipicamente chinês mas que se espalhou por toda Ásia e agora é bem famoso no Japão. Tem vários restaurantes especializados em Gyozas com vários recheios diferentes. Vale a pena entrar em um e provar vários tipos! Ela pode ser frita ou cozida no bafo. A mais famosa é a de porco.

15) Okonomyaki

Okonomyaki pode ser definido como uma panqueca salgada japonesa. É um mexidão com tudo que temos direito – geralmente feito na nossa frente em uma Teppanyaki. Eu honestamente não gostei, mas valeu a experiência. Achei meio sem graça e com gosto muito forte de gengibre.

16) Takoyaki

É um bolinho de polvo assado muito vendido como comida de rua. Eles vem cobertos com vários molhos e é bem interessante provar – são bem generosos no recheio de polvo! Sempre tem nos mercados de peixes – vendem a porção geralmente com uns 6 bolinhos. Quem gosta de polvo vai adorar. Tomem cuidado por que o recheio fica absurdamente quente (todo mundo se queima!).

17) Tempura

Acho que tempurá dispensa apresentações, né? O tempurá japonês é uma delícia, super típico do Japão – é acompanhamento de vários pratos e também tem restaurantes especializados nisso, o que eu indico fortemente! É basicamente coisas fritas – camarão frito, legumes fritos, etc. Mas tem uma massinha deliciosa por fora. Eu amo!

18) Harajuku Crepes

Harajuku é cheio de tentações e é um local ótimo para provar várias coisas diferentes – eles estão sempre inventando alguma moda gastronomica por lá. Provamos algodão doce colorido com mais de 1 metro de comprimento, batata frita ondulada e gigante em um espetinho, queijo com croutons frito, sorvete com carinha de bichinhos e os famosos crepes de Harajuku! São recheados de várias opções de sabores e bem gostosos. Ótimos para um lanchinho doce!

19) Tamagoyaki

É basicamente um omelete – mas não um simples omelete, um omelete pra ninguém colocar defeito. O japonês não brinca quando o assunto é comida. Por mais simples que possa parecer, eles sempre nos surpreendem. Tem um gosto adocicado e todos japoneses amam – faz realmente parte do dia a dia do cidadão japonês! Inclusive tem sushis com esse omelete que são deliciosos. Vale provar essa iguaria da culinária japonesa.

20) Yakiniku

Yakiniku significa literalmente “carne grelhada” – é tipo um fondue de carne feito com carvão. A maioria dos restaurantes de Yakiniku já tem a “mini grelha” acoplada no meio da mesa. A carne geralmente é um Hida Beef ou um Kobe Beef e vem com vários legumes para grelhar também. É super famoso na área dos Alpes Japoneses e com certeza é um prato de grande importância para a culinária japonesa.

21) Kitkats diferentes

Não é exatamente parte da culinária japonesa, mas os kitkats são super tradicionais no Japão. Chá verde, flor de cereijeira, feijão, banana, matcha, morango, cheesecake, sakê… os sabores são infinitos! São perfeitos para trazer de lembrancinha (não tem quem não goste) ou comprar para provar lá. Eu comprei alguns para ir provando durante a viagem de Shinkansen e foi um lanchinho delicioso e muito temático.

23) Para os corajosos: sashimi de cavalo, água viva (jellyfish), sushi de frango cru, etc

Opções de comidas típicas super loucas não faltam! Falta a coragem de provar. Se você não é tão aberto a aventuras já vá com o Google Tradutor (com opção de bater foto do cardápio e traduzir, na medida do possível) instalado no celular. É muito comum não entendermos absolutamente nada do cardápio e escolhermos algo… duvidável para o jantar! heheheh

Que saudade do Japão! Fiquei com água na boca escrevendo esse post. Tantas coisas maravilhosas para provarmos, vermos e aproveitarmos nesse país incrível! Aproveite e prove o máximo possível da culinária japonesa – pois apesar de ter muitos restaurantes de sushi por aqui, a qualidade e a experiência geral de uma legítima refeição japonesa fica guardada para sempre na nossa memória.

Post Anterior

4 formas estilosas de usar jaqueta jeans

Próximo post

Dia das Mães: 3 peças que a sua mãe vai amar ganhar!