Os rebites e spikes apareceram nas roupas nos anos 70 junto com o movimento punk, e tornaram-se um símbolo de rebeldia. No final dos anos 2000, porém, eles retornaram numa forma mais sutil e versátil. Um dos desfiles mais importantes- com as peças mais desejadas pelo público- foi o do Balmain, em 2010:

Atualmente, a maioria das peças com aplicação de rebites são vendidas por um preço bem salgado. Mas para quem deseja muito, existe uma solução: customize! Além de serem encontradas em lojas de artesanato e armarinhos, as tachas também são vendidas em diversos sites na internet por um preço bastante acessível. Você só vai precisar de inspiração para aplicá-las.

Essa pode ser a oportunidade perfeita para você dar um up naquela jaqueta jeans velha, ou até mesmo no blazer que você usa para ir trabalhar. A gola sempre é um bom lugar para as tachas serem fixadas.

Você também pode dar um aspecto rock’n’roll para aquele short jeans simples com a aplicação das tachas. O ideal é que você fixe o rebite no bolso do short, para que ele não tenha contato direto com a sua pele e te machuque. Caso você queira aplicá-las em uma jaqueta ou um short de couro, é melhor você ir até um sapateiro, que fará a aplicação com o aparelho correto, sem riscos de rasgar o tecido, que é muito grosso.

Como vocês podem ver acima, eu já apliquei em short, sapatilha e em uma jaqueta jeans. Quem também vai aderir à customização com tachas?

Post Anterior

Fendas

Próximo post

Inspirações para a semana