A época das férias de inverno vem se aproximando e com ela a dúvida: como fazer uma mala que não amasse nem estrague nossas coisas e que caiba bastante roupa e sapato? A Louis Vuitton lançou um site e um vídeo para ajudar com essa função. O The Art of Packing ensina a arrumar a mala como profissional, ensinando quais itens devem ser guardados primeiro e como otimizar espaço.

Confira algumas dicas minhas (e da marca misturadas) para fazer uma mala perfeita:

Coloque objetos pesados no fundo da mala. A necessàire com sabonete, shampoo, condicionador e makes, que normalmente pesa bastante, pode ser uma das primeiras a entrar. No fundo também vão livros, carregadores e baterias de aparelhos eletrônicos.

Sapatos embalados individualmente. Coloque cada par em um saquinho próprio (aqueles que eles dão quando você compra um sapato novo, sabe?). Encaixe os pares também no fundo da mala. Use os sapatos mais pesados durante a viagem e coloque os leves na bagagem.

Otimizando espaço com casacões. Intercale calças e blusas nas dobras dos casacos mais pesados. Os pijamas e calcinhas também podem ir dentro dos casacos (só não esqueça de tirar antes de usar caso coloque calcinha nos bolsos hehehe)

Blusas leves ficam em cima. Camisas, camisetinhas e blusas que costumam amassar bastante vão numa última camada, sobre os casacos e calças. Atenção especial com a dobra das camisas (o vídeo ensina como dobrar).

Pense em looks prontos. Leve na mala todas as peças para compor look previamente planejado. Além de não precisar ficar perdendo tempo para montar looks na viagem, economiza espaço pq você deixa de levar aquele sapato que é lindo mas não combina com o resto das peças da mala. Pense em 1 look por dia que você for ficar lá – e reveze entre eles. Não precisa levar um casaco pra cada dia né? Pense em, looks básicos que possam trocar itens entre eles (calça jeans, casaco preto, etc).

Leve pouca coisa. Qualquer emergência você compra coisas novas. Quer desculpa melhor pra isso? Além disso você não precisa ficar carregando peso pra lá e pra cá (deixa pra passar esse trabalho na volta, quando a sua mala vai estar o dobro do peso).

Fique atenta ao peso da sua bagagem. Cuidado com viagens internacionais que tem escala nacionais. Por exemplo, quando eu voltei da Austrália, minha mala foi pesada para voo internacional – mas quando cheguei em SP troquei para um voô doméstico até porto alegre e adivinha? Tive que pagar várias taxas porque o peso de bagagem para voo doméstico é beeeem menor do que para voos internacionais.

Mala dentro da mala. Se o seu destino é um local com muitas tentações para o cartão de crédito, leve uma mala daquelas levinhas de tecido dobradinhas dentro da mala. Isso evita você ter que gastar grana (e tempo) comprando uma mala nova porque não cabe todas suas compras. Se você for pro Chile, EUA, China, etc leve 2 malas. Sério.

Gostaram? Espero que tenha ajudado e ótima viagem pra vocês!

Post Anterior

Como Usar: Maxi Colares

Próximo post

Como usar jaqueta de couro