Sapatos. Esse pequeno vício me conquistou quando eu calcei o primeiro salto da minha mãe. Desde esse dia eu já tinha certeza que seria uma perua shoeholic! As tendências passam e o salto alto continua ali firme, forte e com 15 centímetros. Porém, o assunto que vou falar hoje não sei se pode ser considerado sapato. Louboutin é obra de arte!

Todo Red Carpet que se preze tem muita sola vermelha desfilando nos pés famosos. As mulheres não tinham conseguido nem decorar o nome Manolo Blahnik quando Christian Louboutin começou a fazer a cabeça (e os pés, claro) das mulheres mais elegantes do mundo.

Reza a lenda que a brilhante ideia de colocar a sola vermelha veio quando o estilista resolveu pegar o esmalte de uma funcionária e passar embaixo das suas criações. Ele diz que a partir daí o sapato ganhou vida. Nós não poderíamos concordar mais!

Os preços não são nada atrativos e chegam a ultrapassar milhares de dólares dependendo do material. Ou seja, luxo para poucas como essa aí de cima. Só falta cobrir a barriga, né amiga? inveja

Rihanna, Olsens, Nicole Kidman, Blake Lively, Caroline de Mônaco e outras musas são fiéis a marca.

Passou o tempo em que colocar o nome de uma estrela no céu em sua homenagem, estilo Um Amor brega pra Recordar era o máximo. Blake Lively, nossa inspiração diária, ganhou um Louboutin com o nome dela! Todas choraaaaaa! (olhem que PERFEITO)

Sapato me dá mais palpitação do que homem pelado. Desculpa aí We Heart Hot! Seguem mais algumas fotinhos para gerar uma epidemia de ataque cardíaco nas leitoras. Gays gostam de homens, mulheres gostam de sapatos.

Todas vivas? Esse sapato de cobra é simplesmente minha alma gêmea. Existem também aqueles louboutins especiais para casamento que tem a sola azul. E quem resite a um pedido desses? I do, I do!

Viram o que sapatos fazem comigo? Falo até em casamento!
O que acharam dos modelitos? Lindos, perfeitos ou irresistíveis?

Post Anterior

Organização para desorganizadas

Próximo post

Com que boca eu vou?