Basta marcar uma viagem para os Estados Unidos que a minha wishlist de itens para a casa começar a crescer. Mas afinal, o que vale a pena comprar nos EUA para a casa? Muita coisa! Mas precisamos ter foco e lembrar que infelizmente todas coisas lindas e baratas que vemos para a nossa casa por lá não cabem na nossa mala (tristeza!). Então, com o que vale a pena ocupar esse espaço sagrado?

o que comprar estados unidos

Mas afinal, o que vale a pena comprar os Estados Unidos? Eu diria que praticamente tudo hehehehe. Entretanto, como não podemos trazer tudo, te ajudo a selecionar o que vale mais a pena. Bons tempos quando eu só gastava meu dinheiro com maquiagens e roupas… Hoje gasto com maquiagens, roupas e coisas para a casa. hehehehehe Mas eu adoro! É muito bom comprar coisas para a casa nos EUA e tem muitos itens que valem super a pena, principalmente para quem está se mudando ou está afim de dar uma renovada. As lojas que eu mais gosto de comprar e que você pode encontrar todos os itens dessa lista são: Marshall’s, Home Goods, Target e Bed Bath and Beyond. Basta procurar a loja mais perto do seu destino!

compras-casa-estados-unidos

O que vale a pena comprar nos EUA?

Edredon e lençóis

Só quem já foi procurar um edredon de qualidade aqui no Brasil sabe do que eu estou falando: é praticamente um assalto. Eu já encontrei edredon queen da Calvin Klein na Marshall’s (loja de desconto incrível) por 60 dólares – usamos ele fazem 3 anos e está intacto. Como mudamos nossa cama para King, precisamos comprar um novo então com certeza comprar um edredon nos Estados Unidos está na minha wishlist. Muita gente acaba não trazendo edredon dos EUA pois ocupa muito espaço na mala, daí cabe a você fazer essa analise. Na minha opinião vale super a pena, ainda mais se colocarmos naqueles sacos a vácuo. Comprar esses itens nos Estados Unidos é um ótimo investimento!

Além do edredon, lençóis também são ótimos para trazer dos Estados Unidos. Eles não ocupam tanto espaço quanto o edredon e tem um preço bem vantajoso – gosto de comprar na loja. Muitos modelos e preços amigos! A dica aqui é medir a sua cama ou ver qual a medida dos lençóis que você usa e deixar anotado pois os EUA tem milhares de tamanhos diferentes de camas então é bom ficar de olho.

Panelas

Que tal investir e trazer dos Estados Unidos uma boa panela? Aposto que se você gosta de cozinhar não vai se arrepender. Uma boa frigideira ocupa pouco espaço na mala e é super versátil na hora de cozinhar. Marcas premium como Le Creuset também são um ótimo investimento – uma panela que vai durar para sempre. É bom lembrar que muitas marcas bacanas como a Le Creuset podem ser achadas nos outlets, o que deixa a compra ainda mais vantajosa. Em lojas normais da marca nos EUA, as panelas Le Creuset ficam em torno de metade do preço se comparadas com o brasil (mesmo com o dólar acima de 3 reais) – e nos oulets essa diferença é ainda maior apesar de nem sempre encontrarmos a cor/modelo exato que desejamos.

Acessórios de cozinha

Fouet, colher lambe lambe, ralador de queijo, concha, espátula, chaleira… tudo isso e muito mais você encontra em lojas de desconto como a Marshall’s por poucos dólares. Já comprei itens da KitchenAid mais baratos do que do “lojão 1,99” aqui do Brasil (exagerei, mas vocês entenderam meu ponto). Vale muito a pena comprar esses itens nos Estados Unidos pois a qualidade é incrível e dura anos.

Eletrodomésticos

Precisando de um liquidificador? Vale muito a pena comprar nos EUA! Batedeira? Idem. Mixer? Com certeza! Todos esses itens são pelo menos a metade do preço nos Estados Unidos, mesmo com o dólar alto. Muita gente que gosta de confeitaria trás a famosa batedeira colorida da KitchenAid dos EUA. Ela custa em torno de 300 dólares por lá. Eu acho linda e amaria ter uma mas ainda não criei coragem para gastar tudo isso – e trazer para o Brasil porque ela é muitooo pesada e frágil. Então, é bom tomar cuidado.

Um novo e potente liquidificador está na minha wishlist para a próxima viagem: o modelo da KitchenAid custa mais de 1.200 reais aqui no Brasil e por lá sai em torno de 100 dólares. Vale a pena, né? Não se esqueça de verificar a voltagem dos eletrodomésticos e pensar sobre a tomada (muitas vezes precisa usar um adaptador, mas nada demais). Definitivamente, eletrodomésticos são ótimos exemplos do que vale a pena comprar nos Estados Unidos.

Itens decorativos

Sempre que pensamos o que comprar nos Estados Unidos, os objetos decorativos sempre passam pela nossa cabeça. Velas, almofadas fofas, quadros, porta retratos elegantes… Tudo isso por menos de 10 dólares. É impossível resistir, né? Dê uma passada na Home Goods e escolha o que mais combinar com a sua casa. Entretanto, é sempre bom ter em mente qual é o estilo dos seus ambientes para não se perder nas compras e comprar coisas que não combinem. Não se esqueça que o barato pode sair caro se não for utilizado, ok?

Comidas

Por que não? A variedade de produtos nos supermercados dos EUA é gigante e tem muita coisa que não existe por aqui – ou é bem mais caro. Você pode dar uma olhada nos sites da Target ou do Walmart e já anotar o que você gostaria de comprar. Assim você economiza tempo por lá, afinal, são lojas gigantes que acabam tirando facilmente o nosso foco e fazendo com que a gente horas preciosas de turismo. Eu gosto de comprar alguns molhos diferentes industrializados, chocolates diferentes, bebidas, chás, cafés (tem até da Starbucks no supermercado), itens para cupcake, mix para bolos, etc.

Boas compras e não se esqueça de aproveitar a viagem – as compras são sempre consequência, segundo plano. Mas que são ótimas, isso são! Tente encaixar a ida em algumas lojas a longo da programação ou deixe um dia só para isso (mas daí não vale ficar entrando em todas lojas durante o passeio!). Outra dica boa é que viagem não é lugar para pesquisar preço: tente pesquisar tudo online antes de ir viajar. Ninguém merece ficar perdendo tempo de passeio para economizar 2 dólares, né? E se você gostou de alguma coisa, leve na hora. Não fique pesquisando em 200 lojas e querendo voltar nos mesmos lugares pois daí a economia que você fará nos Estados Unidos não compensará pois cada minuto da sua viagem custa caro – fora ter que gastar gasolina, estacionamento, trasnporte público e paciência dos companheiros de viagem voltando

Post Anterior

Lançamentos Natura: Artisan

Próximo post

7 Mitos e verdades sobre a maquiagem