Te conheço muito bem, vejo que você tenta, tenta, e tenta mais uma vez. E me diz, pra quê? Pra que continuar insistindo em mais do mesmo? Pra que ficar criando e fantasiando uma realidade não compartilhada, que sempre que pode, dá um jeito de acabar com você? Não tem coisa mais difícil do que esperar sem saber o que te espera, pago pra ver desafio maior. Você quer se sentir forte, gosta disso… Quer mostrar que aguenta e que cada baque é uma espécie de degrau, mas se esquece de que esse degrau está na escada da mágoa, não na escada da força, nem da confiança, e nem perto da felicidade.

Acorda, menina! Olhe pra você, enxergue dentro de você! Perceba que pessoa linda você é, que amigos lindos você tem, e pare de se sentir um mártir, achando que respirar fundo é a solução pra todos os seus problemas e que você é capaz de lidar com todos eles sem se abalar, porque deixa eu te contar, você não é! E, principalmente: você não precisa disso, ninguém precisa! A vida é quase como ir pra balada: pega seu salto, e pisa com ele em tudo que te faz mal. Na bolsa, guarde tudo que te faz feliz! Simples e incrivelmente leve. Se desprenda, se desapegue, descubra coisas novas, tenha experiências novas, é pra isso que a vida está aí. Tenha coragem pra deixar o que te puxa pra baixo fora da sua vida, não há bem maior que você pode fazer para você mesma! Viva o presente, e deixe o passado em seu devido lugar, mas deixe lá mesmo, enterre se necessário! Só assim o futuro terá todo o brilho que você nunca achou que seria possível. Ser feliz é a maior delícia da vida, não perca tempo, por favor. Depois volta aqui pra me contar a sensação maravilhosa de viver apenas para o que te faz bem.

menina livre

Post Anterior

Moda evangélica

Próximo post

Superbonita Acessórios